Agência da ONU lança manual para prevenção da violência em presídios


O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) lançou nesta terça-feira (17) um manual com recomendações práticas sobre como administrar prisioneiros violentos, prevenir a violência nas penitenciárias e facilitar a reintegração social de detentos.

prisoes.jpg

Manual da ONU aborda como gerenciar presos violentos e evitar a violência nas  prisões . Foto: UNAIDS/D. Gutu

 

O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) lançou nesta terça-feira (17) um manual com recomendações práticas sobre como administrar prisioneiros violentos, prevenir a violência nas penitenciárias e facilitar a reintegração social de detentos.

O manual pretende fortalecer componentes-chave da administração penitenciária, incluindo o treinamento de funcionários, o gerenciamento de riscos e os esforços de reabilitação de presos.

Tendo como alvo funcionários da administração penitenciária e autoridades governamentais, o documento é o primeiro guia técnico das Nações Unidas com o objetivo endereçar a radicalização e o extremismo violento nas prisões.

“O manual alerta sobre o risco de presunções gerais sobre assuntos complexos, assim como sobre ‘soluções rápidas’ envolvendo a gestão de presos violentos”, disse o UNODC em comunicado anunciando o manual, elaborado por especialistas de 25 Estados-membros, das Nações Unidas e outras organizações internacionais, institutos de pesquisa e organizações da sociedade civil.

Segundo a agência da ONU, além da perda de vidas e de danos econômicos, o extremismo violento pode dividir comunidades e dar margem a visões cada vez mais reacionárias e extremistas.

Em entrevista durante o lançamento do documento em Viena, na Áustria, o vice-diretor-executivo do UNODC, Aldo Lale-Demoz, enfatizou a necessidade de integrar ações em relação aos presos com reformas prisionais mais amplas.

“Superlotação, condições precárias de infraestrutura, capacidade de administração insuficiente e corrupção são fatores que prejudicam as tentativas de prevenir e combater efetivamente o extremismo violento nas prisões”, disse.

Os participantes do evento de lançamento do relatório também reafirmaram a importância das Regras Nelson Mandela — Regras Mínimas da ONU para o Tratamento de Prisioneiros — para a administração penitenciária.

Clique aqui para acessar o manual (em inglês).

via oNU Brasil

Anúncios

O Seu comentário nos ajuda a melhorar !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s