Vem aí o 23° Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, agende-se!


diversidade

O 23° Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, maior festival LGBTQ da América Latina acontece de 11 a 22 de novembro na Capital Paulista. Em 2015, o evento apresenta 139 filmes de 28 países, além de teatro, música, leitura dramática, performances e a 1ª Conferência Internacional [SSEX BBOX] & Mix Brasil. A partir desta edição, o festival homenageará Suzy Capó, uma das fundadoras do Mix Brasil. Será entregue a produção mais inovadora e transgressora, o prêmio com o nome da produtora e jornalista.

Inédito em São Paulo, o longa “Te Prometo Anarquia” (México-Alemanha) de Julio Hernández Cordón abre o MixTe Prometo Anarquia (4) (300x200), numa sessão especial para convidados no dia 11 de novembro. O evento contará com a presença do ator do filme Diego Calva Hernández. Selecionado para os festivais de Locarno e Toronto e recentemente premiado como melhor longa latino-americano do Festival do Rio, a história da película gira em torno de Miguel, de família de classe média, e Johnny, de bairro humilde, que são skatistas e namorados. Para financiar seu estilo de vida, eles vendem o seu próprio sangue e de sua gangue a clínicas clandestinas, até que um grande trabalho para a máfia dá errado.

Grandama 2 (300x165)No Panorama Internacional estão confirmados longas-metragens e documentários premiados recentemente em Festivais Internacionais de Cinema como a Berlinale, Locarno, Frameline e Toronto, entre outros. Destaques para “Grandma” (EUA), de Paul Weitz, com Lily Tomlin e Laverne Cox; “Nasty Baby” (EUA), de Sebastián Silva, protagonizado pela atriz Kristen Wiig e ganhador do Teddy Bear de longa-metragem em Berlim, “Como Vencer no Jogo (Sempre)” (Tailândia/EUA/Indonésia), de Josh Kim, que concorre a uma vaga ao Oscar de melhor filme estrangeiro pela Tailândia, “Amor Eterno” (Espanha) de Marçal Forés, “Margarita com Canudinho” (Índia), de Shonali Bose, “Histórias de Nossas Vidas” (Quênia), de Jim Chuchu, vencedor do Teddy de melhor documentário em Berlim e“Tab Hunter – Confidencial” (EUA), de Jeffrey Schwarz.  Este último é um documentário sobre a vida secreta do grande astro de Hollywood Tab Hunter, que estrelou filmes ao lado de Sophia Loren, Debbie Reynolds e Natalie Wood.

Já no circuito nacional, o festival premiará com o Coelho de Ouro o melhor longa-metragem brasileiro.  Os concorrentes são “A Paixão de JL”, de Carlos Nader, “A Seita”, de André Antônio, “Âncora do Marujo”, de Victor Nascimento, “Califórnia”, de Marina Person, “O Animal Sonhado”, de Breno Baptista, Luciana Vieira, Rodrigo Fernandes, Samuel Brasileiro, Ticiana Augusto Lima, Victor Costa Lopes, “Quase Samba”, de Ricardo Targino, “Ralé”, de  Helena Ignez, “TupiniQueens”, de João Monteiro, “Vozeria”, de Raphaela Comisso, “Yorimatã”, de Rafael Saar.

O Mix Brasil dedica parte da programação desse ano a mostra “Mundo Mix  América Latina”, uma seleção especial de 8 longas e vários curtas latino-americanos. Entre os longas estão Grisalhos” (Chile), de Claudio Marcone, melhor longa-metragem de estreia do FramelineSão Francisco, “O Homem Novo” (Uruguai/Chile/Nicarágua), de Aldo Garay, “A Visita” (Chile), de Mauricio López Fernández (com a presença do diretor), “Carmim Tropical” (México), de Rigoberto Perezcano, “Juntos e Misturados” (Cuba/Espanha), de Nicolás Muñoz, “Liz em Setembro” (Venezuela), de Fina Torres, “Mariposa” (Argentina), de  Marco Berger , e “Te Prometo Anarquia” (filme de abertura).

 

O Festival apresenta nesta edição sua maior seleção de curtas-metragens nacionais, escolhidos entre 370 inscrições. No total, serão exibidos mais de 50 trabalhos brasileiros, sendo 18 curtas em competição. Os programas especiais trarão os temas Amor que Dói”, “Mix Jovem”, “Queer Culture”. “Segredos e Descobertas”, “Sexy Bofes”, “Sexy Boyz”, “Sexy Latinos”, “Transações”, “Virado à Paulista” e “Viva Sapata!”, além da tradicional sessão “Crescendo com a Diversidade”, voltada para o público infantil.

Vários convidados nacionais e internacionais marcarão presença no 23° Festival Mix Brasil como: Wieland Speck, diretor do Panorama do Festival de Berlim, Carol Queen, uma das mais importantes ativistas pelos direitos da comunidade queer e de profissionais do sexo, também foi responsável pela inclusão da bissexualidade, como uma identidade positiva, dentro da sigla LGBTQ, Daniela Sea (L Word), atriz, cineasta, musicista e ativista americana, Buck Angel , ator, produtor, diretor e ativista da causa trans, Karine Teles  (“Que Horas Ela Volta?” e “Otimismo”), atriz e diretora,  e os diretores Carlos Nader, André Antônio, Victor Nascimento, Marina Person, Breno Baptista, Luciana Vieira, Rodrigo Fernandes, Samuel Brasileiro, Ticiana Augusto Lima, Victor Costa Lopes, Ricardo Targino, Helena Ignez, João Monteiro, Raphaela Comisso, Rafael Saar, Hylnara Anny Vidal, Márcia Bellotti, Sueli Araújo, Fernanda Rocha, Daniel Favaretto Dudu Quintanilha,  Leandro das Neves, Will Domingos, Estevan de la Fuente, Débora Zanatta, Cristiano Sousa, Luciano Carneiro, André de Oliveira, Julia Aguiar,  Bruno Roger, Rodrigo Cavalheiro, Lara Dezan,  Rafael Aidar, Lucas Padilha, Otavio Chamorro e Chico Lacerda.

TupiniQueens (4) (500x281)Diversas atrações que envolvem teatro, dança, música, literatura, performances e novos talentos – Drag Queens completam a programação do Mix. O “Dramática em Cena” traz a estreia nacional da peça “Homens nas cidades”, monólogo com Laerte Mello e direção de Francisco Medeiros, além de “120 dias de Sodoma”,  texto e direção de Rodolfo García Vázquez, “Tadzio”, peça de Zen Salles e direção de Dan Rosseto, “Phedra por Phedra”, direção de Robson Catalunha, “Maria que Virou Jonas”, texto de Cássio Pires, “Desamor”, de Walcyr Carrasco e “Marica”, de Pepe Cibrián Campoy.

No Mix Music, uma das grandes atrações será orapper Rico Dalasam. O artista, que desafia a noção de normalidade na música e no gênero, inaugurou a cena queer rap no Brasil. Presente na cena do hip-hop há mais de 14 anos, a DJ, produtora musical e MC, Luana Hansen, também irá se apresentar no festival. No repertório composições engajadas que questionam o machismo, a opressão e a homofobia.

O tradicional Show do Gongo não poderia ficar de fora. As atrações serão submetidas ao júri popular e convidados comandos por Marisa Orth. Os interessados poderão se inscrever no balcão de credenciamento durante o festival ou até horas antes do início das gongadas, que acontece em São Paulo no dia 17 de novembro às 21h.

1ª Conferencia Internacional [SSEX BBOX] & Mix Brasil 

O 23º Festival Mix Brasil, acomodará, no Centro Cultural São Paulo, a primeira Conferência Internacional [SSEX BBOX] & Mix Brasil,com curadoria de Priscilla Bertucci. O evento, uma inédita parceria entre Mix Brasil e [SSEX BBOX], acontece de 18 a 22 de novembro e trará palestras, mesas de debates, e workshops com pesquisadores, ativistas, artistas, trabalhadores sexuais e pessoas que vivenciam questões relativas ao gênero e à sexualidade de forma não convencional.

A Conferência promoverá a reflexão de novas estratégias e enfrentamento à homofobia e à transfobia. Presenças confirmadas de mais de 70 palestrantes, entre eles Buck Angel, Jean Wyllys, Laerte Coutinho, Tatiana Lionço, João W. Nery, Sérgio Viula, Luana Hansen, Carol Queen e outros. Tudo com entrada gratuita.

Com direção artística de João Federici e codireção de André Fischer, o Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade terá programação especial no Centro Cultural São Paulo, além das salas de Cinema no Espaço Itaú de Cinema/ Augusta e CineSesc.

 A programação completa do 23° MIX BRASIL DE CULTURA DA DIVERSIDADE estará disponível no site www.mixbrasil.org.br. A fanpage do festival pode ser acessada no endereço: www.facebook.com/FestivalMixBrasil.

CONFIRA OS FILMES DO 23° FESTIVAL MIX BRASIL:

Competitiva Brasil de Longas

A Paixão de JL           (Brasil/ 2014 – 82’)  de Carlos Nader

A Seita            (Brasil/ 2015 – 70’)  de André Antonio

Âncora do Marujo (Brasil/ 2015 – 72’)  de Victor Nascimento

Califórnia (Brasil/ 2015 – 90’) de Marina Person

O Animal Sonhado (Brasil/ 2015 – 78’) de Breno Baptista, Luciana Vieira, Rodrigo Fernandes, Samuel Brasileiro, Ticiana Augusto Lima, Victor Costa Lopes

Quase Samba            (Brasil/ 2013 – 90’)  de Ricardo Targino

Ralé (Brasil/ 2015 -73’) de Helena Ignez

TupiniQueens (Brasil/ 2015 – 79’) de João Monteiro

Vozeria           (Brasil/ 2015 – 55’) de Raphaela Comisso

Yorimatã (Brasil/ 2014 – 116’) de Rafael Saar

 

Panorama Mundo Mix América Latina

A Visita           /La Visita (Chile/ 2014 – 82’) de Mauricio López Fernández

Carmim Tropical/Carmin Tropical (México/ 2014 – 80’) de Rigoberto Perezcano

Grisalhos/En la Gama de los Grises (Chile/ 2014 – 98’) de Claudio Marcone

Juntos e Misturados/Juntos y Revueltos (Cuba/Espanha/ 2014 – 66’) de Nicolás Muñoz

Liz em Setembro/Liz en Septiembre (Venezuela/ 2014 – 92’) de Fina Torres

Mariposa/Mariposa (Argentina/ 2015 – 103’) de Marco Berger

O Homem Novo/El Hombre Nuevo (Uruguai/Chile/Nicarágua/ 2015 – 79’) de Aldo Garay

Te Prometo Anarquia/Te Prometo Anarquía (México/Alemanha/ 2015 – 88’) de Julio Hernández Cordón

 

Panorama Internacional

A Cerimônia / The Ceremony (Suécia/França/ 2014 – 74’) de Lina Mannheimer

Amor Bruto/Tough Love (Alemanha/ 2015 – 89’) de Rosa Von Praunheim

Amor Eterno/ Everlasting Love (Espanha/ 2014 – 69’) de Marçal Forés

Às Escondidas/Hidden Away (Espanha/ 2014 – 88’) de Mikel Rueda

Bem-Vinda a Esta Casa/Welcome to this House (Estados Unidos/Canadá/Brasil/ 2015 –79’) de Barbara Hammer

Cárcere 4614/Prison System 4614 (Alemanha/ 2015 – 60’) de Jan Soldat

Como Vencer no Jogo (Sempre)/How to Win at Checkers (Every Time) (Tailândia/Estados Unidos/Indonésia/ 2015 – 80’) de Josh Kim

Compre Um, Leve Dois/Two 4 One (Canadá/ 2014 – 77’) de Maureen Bradley

Cut Snake/Cut Snake (Austrália/ 2014 – 94”) de Tony Aires

Dora ou as Neuroses Sexuais de Nossos Pais/Dora or The Sexual Neuroses of Our Parents (Suíça/Alemanha/ 2015 –92’) de Stina Werenfels

Drown/Drown (Austrália/2015 – 93’) de Dean Francis

Electroboy/Electroboy           (Suíça/2014  – 113’) de          Marcel Gisler

Fassbinder – Amor Sem Cobranças/Fassbinder – To Love Without Demands (Dinamarca/ 2015 –107’) de Christian Braad Thomsen

Histórias de Nossas Vidas/Stories of Our Lives (Quênia/ 2014 – 60’) de Jim Chuchu

Hockney/Hockney (Reino Unido/ 2014 –112’) de Randall

Margarita com Canudinho/Margarita With a Straw (Índia/ 2014– 100’) de Shonali Bose

Nasty Baby/Nasty Baby (Estados Unidos/ 2014 – 101’) de Sebastian Silva

O Mundo de Daniel/Daniel’s World (República Tcheca/ 2014 – 74’) de Veronika Lišková

O Perfil de Amina/The Amina Profile (Canadá/ 2014 – 84’) de Sophie Deraspe

O Que Há Entre Nós?/ What’s Between Us (Suíça/ 2015 – 94’) de Claudia Lorenz

Seed Money: A História de Chuck Holmes/Seed Money: The Chuck Holmes Story(Estados Unidos/ 2015 – 72’) de Michael Stabile

Sentimentos São Fatos – A Vida de Yvonne Rainer/Feelings Are Facts: The Life of Yvonne Rainer(Estados Unidos/ 2015 – 83’) de Jack Walsh

Sou Todo Teu/All Yours (Bélgica/Canadá/ 2014 – 102’) de David Lambert

Tab Hunter – Confidencial/Tab Hunter Confidential (Estados Unidos/ 2015 – 90’) de Jeffrey Schwarz

The Material Boy/The Material Boy (França/ 2015 – 80’) de Luizo Vega

The Sandwich Nazi – A Famosa Linguiça de Salam Kahil/ The Sandwich Nazi (Estados Unidos/ 2015 – 72’) de Lewis Bennett

Vivos!/Alive! (França/ 2014 – 80’) de Vincent Boujon

Mostra “Competitiva Brasil  Curtas   – 1”

O Amigo Michê          (Brasil/2015 – 17’) de Luciano Carneiro

O Babado de Toinha (Brasil/2014 – 3’) de André de Oliveira, Julia Aguiar

Ocaso (Brasil/2014 – 21’) de Bruno Roger

Lovedoll (Brasil/2015 – 12’) de          Estevan de la Fuente, Débora Zanatta

Roupa de Baixo         (Brasil/2015 – 14’) de Lara Dezan

Mostra “Competitiva Brasil – Curtas  2”

Otimismo (Brasil/2015 – 10’) de Karine Teles

Doce de Goiabada (Brasil/2014 – 14’) de Fernanda Rocha

Virgindade      (Brasil/2015  – 15’) de Chico Lacerda

Ashes of the Afternoon (134 Mortes) (Brasil/2015 – 10’) de Márcia Bellotti

Submarino (Brasil/2014 – 20’) de Rafael Aidar

Mostra “Competitiva Brasil  –  Curtas  3”

Vagabunda de Meia Tigela (Brasil/2015 – 24’) de Otavio Chamorro

Arianas           (Brasil/2014 – 15’) de            Hylnara Anny Vidal

Javaporco (Brasil/2015 –13’) de Leandro das Neves, Will Domingos

Thai (Brasil/2014 – 19’) de Lucas Padilha

Mostra “Competitiva Brasil  –  Curtas  4”

Parte do Processo  (Brasil/ 2015–14’) de Rodrigo Cavalheiro

Dessas Coisas Que Acontecem (Brasil/2015– 20’) de Sueli Araújo

Eu Vou Me Piratear (Brasil/2015 – 21’) de Daniel Favaretto, Dudu Quintanilha

Maria Helena – A Mulher de Todos (Brasil/2015– 17’) de Cristiano Sousa

Mostra de Curtas “Amor que Dói”

Action Painting nº1/nº2 (Brasil/ 2014 – 7’)

Crua (Brasil/2014 – 22’)

No Que Me Toca (Brasil/2015 – 16’)

Eu Queria Ser Arrebatada, Amordaçada e, nas minhas costas, Tatuada (Brasil   /2015 – 17’)

Dois Lados (Brasil/2015 -25’)

Mostra de Curtas  “Crescendo com a Diversidade”

Pawo/Pawo (Alemanha/2015 – 8’)

O Melhor Som do Mundo (Brasil/2015 – 13)

Bubble /Bubble (Cingapura/2014 – 6’)

MiMO/MiMO  (Cingapura/2014 – 2’)

Bá (Brasil/2015 – 14’)

Isso é Normal? (Brasil/2015 – 5’)

Mostra de Curtas “Mix Jovem”

Preliminares (Brasil/2015 – 12’)

De Quem É a Culpa/No Matter Who            (França/2015 – 19’)

A História de uma Boca (Brasil/2014 – 2’)

Quarto Escuro            / Perpetual (Dinamarca/2015 – 26’)

A Balada de Ella Plummhoff/ The Ballad of Ella Plummhoff          (Alemanha/2015 – 29’)

Estranho É Quem Não É Estranho/Weird Is Who´s Not Weird (México/2015 – 16’)

Mostra de Curtas  “Queer Culture”

História do Olho Performance (Brasil/2015 – 8’) de Vitória Galhardi

You Are Boring!/You Are Boring! (Alemanha/2015 – 14’) de Vika Kirchenbauer

Vermelho (Brasil/2014 – 5’) de Márcia Bellotti

Copyleft (Brasil/2015 – 30’) de Rodrigo Carneiro

Curriculum Vitae (Brasil/2015 – 2’) de Raí Gandra

Tant Pis – Capítulo 1/Tant Pis – Chapter One           (França/Brasil/2015 – 25’) de Bruna Rodrigues

Mostra de Curtas  “Segredos e Descobertas”

Chance/Chance (Reino Unido/2015 – 16’)

Tom in America/Tom in America (Estados Unidos/2014 – 16’)

Um Novo Começo/The Spring in my Life (Coreia do Sul/2015 – 20’)

Azul É a Cor Mais Dura/ End of Season Sale (Israel/2014 –          35’)

Mostra de Curtas  “Sexy Bofes”

Aqueles Dois (Brasil/2014 – 7’) de Guilherme Macedo

O Ídolo Caído (Brasil/2015 – 9’) de   Felipe André Silva

Plutão (Brasil/2015 – 12’) de  Daniel Nolasco

Miúdo  (Brasil/2015 – 16’) de Mauricio Ferreira

Vênus (Brasil/2015 –  15’) de Antonio Canto Porto

Feliz Ano Novo (Brasil           /2015 – 17’) de Felipe André Silva

Dudu Está Solteiro (Brasil/2015 – 10’) de Roberto Limberger

Mostra de Curtas  “Sexy Boyz”

O Pé do Coala/The Koala’s Foot (França/ 2015 – 13’) de Sébastien Bélier

Louis e Gabriel/ Louis and Gabriel (França/2015 – 15’) de Francisco Bianchi

Zebra/Zebra (Estados Unidos/2015 – 6’) de Paul Detwiler

Moonriver (Uncut)/Moonriver (Uncut) (Estados Unidos/2015 – 9’) de Slava Mogutin

Se Meu Cinemão Falasse/Been Too Long at the FAIR (Estados Unidos/2015 – 6’) de Charles Lum, Todd Verow

Daniel/Daniel  (Reino Unido/2015 – 14’) de  Dean Loxton

Protetor Solar/The Cream (França/2014 – 9’) de Jean-Marie Villeneuve

Barrio Boy/Barrio Boy            (Estados Unidos/2014 – 8’) de Dennis Shinners

Pulsión Sangrienta/Sanguine Craving (Espanha/2014 – 13’) de Gerard Tusquellas Serra

 

Mostra de Curtas  “Sexy Latinos”

Disseminar/Diseminar (Argentina/2015 – 13’) de Camilo Polotto

Trêmulo/Tremulo (México/2015– 20’) de Roberto Fiesco

O Rapaz no Bar se Masturba com Raiva e Ousadia/          Muchacho en la Barra se Masturba con Rabia y Osadía (México/2015 – 21’) de          Julián  Hernández

San Cristóbal/San Cristóbal (Chile/2015 – 29’) de Omar Zúñiga Hidalgo

Água/Agua (México/2015 – 12’) de Ricardo Esparragoza

Mostra de Curtas “Transações”

Primeira Noite Montada/First Night Out (Estados Unidos/2015 – 3’) de Will Mayo

Debaixo da Burca/ Veiled (Alemanha/2014 – 13’)   de Tim Ellrich

Dificuldades Técnicas da Intimidade/Technical Difficulties of Intimacy (Estados Unidos/2015 – 19’) de Joel Moffett

Híbrido (Brasil/2014 – 6’) de  Márcia Bellotti

Sandrine (Brasil/2015 – 13’) de Elen Linth, Leandro Rodrigues

Dindas (Brasil/2015 – 22’) de Lara Buitron, Vitor Lima

Translúcidos (Brasil/2015 – 14’) de Asaph Luccas, Guilherme Candido

Mostra de Curtas  “Virado a Paulista”

Morro Aos Poucos Em Todos Aqueles Que Gostam De Mim (Brasil/2015 – 11’) de Roberto Atihé Curan

Joga as Tranças, Rapunzel (Brasil/2015 – 14’) de Matheus Rocha

RG (Brasil/2015 – 10’) de Sérgio Spina

Like A Minute (Brasil/ 2015 – 4’) de Nathalia Salani, Jully Irie

As Bodas do Diabo (Brasil/2015 – 14’) de Ivan Ribeiro

A Vida do Fósforo Não é Bolinho, Gatinho (Brasil/2015 – 29’) de Sergio Silva

Mostra de Curtas “Viva Sapata!”

Não Vou Te Deixar Sozinha/ My Journey (Venezuela/2014 – 15’) de Eduardo Giralt Brun

O Túnel/ The Tunnel (Espanha/2015 – 8’) de Ricardo Yebra

Lindinha/ Sweetheart (Argentina/2015 – 17’) de Luciana Garriga

História de um Objeto/ Story of an Object (Reino Unido/2014 – 10’) de Carlota Castells Puig

Remanso (Brasil/2015 – 7’) de Aline de França

Enjoy the Drama/Enjoy the Drama (Canadá/2015 – 6’) de Lud Mônaco

Calmaria (Brasil/2015 – 10’) de William de Oliveira

Chanson d’Amour (Brasil/2015 – 12’) de Renata Prado

PREÇOS:

CCSP – Centro Cultural São Paulo (cinema/ teatro e shows)

Preço popular a R$ 1

ESPAÇO ITAÚ DE CINEMA (SALA 3) – Augusta

SEG – R$ 24 (inteira) e R$ 12 (meia)

TER – R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

QUA – R$ 22 (inteira) e R$ 11 (meia)

QUI a DOM e feriados – R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)

CINESESC

R$ 12 (inteira), R$ 6 (meia) e R$ 3,50   – “Preço especial para trabalhadores do comercio de bens, serviços e turismo credenciado no sesc e dependentes (credencial plena) “.

Show do Gongo

R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada, somente com carteirinha ou comprovante que dê esse direito.

Serviço – 23° Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade

São Paulo – de 11 a 22 de novembro

Mais Informações: www.mixbrasil.org.

Com informações da Produção do Festival

Anúncios

O Seu comentário nos ajuda a melhorar !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s