Abertas as inscrições de trabalhos para serem apresentados no II Seminário Internacional Desfazendo Gênero


genderDe 1º a 30 de abril de 2015 as pessoas podem submeter resumos expandidos de trabalhos a serem apresentados nos 78 simpósios temáticos do II Seminário Internacional Desfazendo Gênero. Além disso, será possível enviar propostas de pôsteres e também estará aberta a primeira etapa do pagamento das inscrições, com a liberação de 500 vagas. A vaga no evento só é garantida mediante o pagamento da inscrição. Com isso, a pessoa também poderá se inscrever em alguma das 25 oficinas e 24 minicursos, que possuem vagas limitadas. Tudo deve ser feito pelo site do evento (http://www.desfazendogenero.ufba.br/). No site também é possível conferir a programação completa do seminário, que será realizado de 4 a 7 de setembro de 2015, na Universidade Federal da Bahia, e contará com a conferência de abertura de Judith Butler (foto).

Para submeter os resumos expandidos, a pessoa interessada deve primeiro se inscrever no site do evento e ler atentamente as orientações contidas na aba “sobre a submissão”. Cada proponente deve escolher apenas um simpósio para submeter o seu resumo expandido. É fundamental informar no resumo para qual simpósio deseja apresentar a sua comunicação. Para conhecer detalhes de cada simpósio, basta acessar a aba “anais” do site do evento e selecionar em “interdisciplinar” e toda a lista fica à disposição para consulta.

Para pagar a taxa de inscrição, é necessário fazer um depósito identificado na conta bancária informada na aba “sobre a inscrição”. Atenção: a organização do evento não se responsabiliza por depósitos que não forem identificados através do número do CPF. “Não é preciso enviar comprovante de depósito, basta fazer o depósito identificado com o mesmo CPF usado para se inscrever no site do evento. Dois dias depois, é só consultar o site e verificar se a sua inscrição foi confirmada”, explicou o professor Leandro Colling, coordenador do evento. Até dia 12 de junho, os valores da inscrição são de R$ 200,00 para profissionais, professores universitários e pesquisadores, R$ 100,00 para estudantes de pós-graduação e professores do ensino médio, R$ 70,00 para estudantes de graduação e R$ 25,00 para militantes que não se enquadram nas demais faixas. “Pedimos que as pessoas pagem logo as inscrições pois estamos em um ano muito difícil para captar recursos para eventos e esse dinheiro será fundamental para a produção do seminário”, destacou Colling.

As pessoas interessadas em apresentar pôsteres também devem ler com atenção as orientações contidas na aba “sobre a submissão”.

A divulgação do resultado da avaliação dos pôsteres e dos resumos expandidos submetidos aos simpósios e abertura da segunda etapa de inscrições ocorrerá no dia 1º de junho de 2015. “Teremos duas etapas de inscrições para garantir a vaga para quem teve trabalho aprovado em simpósio, pois estamos trabalhando com um número máximo de 1500 inscritos, que é a capacidade máxima que podemos receber”, justificou Colling.

Dúvidas podem ser sanadas através do e-mail desfazendo@ufba.br

O evento:

O Seminário Internacional Desfazendo Gênero foi criado após uma troca de ideais entre algumas pessoas pesquisadoras e ativistas ligadas aos estudos queer no Brasil. Após detectarem a dificuldade de inserir suas outras perspectivas teóricas, conceituais e metodológicas nos eventos já existentes no país, a proposta foi a de criar um espaço de interlocução entre as pessoas que trabalham com os estudos queer, em sua interface com os estudos das subalternidades e pós-colonialidades. Por isso, o Seminário recebeu o nome de um dos livros da filósofa feminista Judith Butler. Além disso, o objetivo também é o de contribuir para modificar a geopolítica da produção de conhecimento em nossa área e enfatizar a importância do trabalho que vem sendo desenvolvido no Nordeste do Brasil.

A primeira edição, com o tema Subjetividade, Cidadania e Transfeminismo, ocorreu de 14 a 16 de agosto de 2013, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, organizada pelo Núcleo Tirésias, na época coordenado pela professora Berenice Bento. Nesta primeira edição, o Desfazendo Gênero já contou com uma conferência de abertura internacional (de Marie-Hélène Bourcier), cinco minicursos, oito mesas redondas, uma mostra artística (com teatro e cinema) e a apresentação de pesquisas em 39 grupos de trabalho.

via politica docus

Anúncios

O Seu comentário nos ajuda a melhorar !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s